A Empresa

Fundada em 2016, após uma tão sonhada viagem para Ásia, um jovem casal resolveu abrir mão de todos os projetos, e embarcar em uma nova jornada!

Apaixonados por Mandalas e com a consciência sobre a importância da meditação e autoconhecimento, mergulharam na missão de desenvolver produtos relacionados a Yoga, Meditação e Decoração.

Aliando criação, pesquisa, desenvolvimento e design exclusivo, nosso objetivo é fazer com que os produtos Gili transmitam boas energias, equilíbrio, paz, amor e consciência na relação com a natureza e o ser humano!

E se hoje, você esta lendo isso, é mais uma prova de que vale a pena correr atrás dos nossos sonhos!

Gratidão!

Sobre a Gili Store

Nome

Apesar de escrever GILI, a pronunica correta para nós Brasileiros é "GUILI", como se houvesse o "U" entre as letras G e I.

E de onde saiu esse nome, de dificil pronuncia?

As ilhas Gili são, na verdade, três ilhotas de areia: Gili AirGili Meno e Gili Trawangan. O trio se tornou nos últimos anos as queridinhas dos mochileiros e dos viajantes que não dispensam degradês de azul em sua coleção de mares.

Conheça um pouco mais sobre esse paraíso na terra! 

 

As ilhas Gili estão localizadas no nordeste de Bali e próximas de Lombok, uma das milhares ilhas da Indonésia. Conhecidas por “Gili Islands”, elas são três: Gili Trawangan, a maior ilha, Gili Meno e Gili Air, a menorzinha delas. Para quem procura um lugar sossegado e uma atmosfera intimista, pode ser um excelente destino, já que Bali, embora seja um lugar cheio de atrações, muitas vezes não tem todo aquele sossego desejado.  

Em Gili, não existem carros ou motos, apenas bicicletas e charretes, não existe aeroporto, não existem hotéis com vários andares e por aí você já consegue ter uma ideia da atmosfera do local. Várias ruas são de terra batida ou areia e os turistas se revezam entre um mergulho no bar e se esticar na areia para tomar sol. As melhores atrações das ilhas são as suas praias, que têm águas mornas, cristalinas e calmas. Por Gili ter águas mais claras do que as de Bali, é muito comum as pessoas optarem por ficar em Gili para curtir o mar e deixar para Bali os passeios voltados para o lado cultural. 

Agora você já pode pesquisar, planejar, e organizar a sua próxima viagem!

 

Quer saber mais sobre as mandalas?

A palavra mandala significa círculo, mas não apenas enquanto formato geométrico. Ela se refere ao círculo mágico, sendo considerada como um símbolo universal de integração e harmonia. Nesse sentido, o formato circular representa uma concentração de energia.

Em várias línguas presentes em uma região da Ásia chamada Península Indostânica, a mandala significa círculo. Mas em um sentido mais amplo, ela é um diagrama que pode representar tanto um mantra quanto algum outro atributo divino.

Na tradição budista, por exemplo, a mandala enquanto diagrama se remete a uma mansão sagrada, ou seja, o palácio onde vive uma divindade. Em algumas cerimônias, é comum que mandalas sejam construídas com areia em cima de uma plataforma e, no final, essa areia é jogada em um rio, para representar a difusão das bênçãos.

Hoje em dia, ela é usada como objeto de decoração no mundo todo, sendo associada não só ao equilíbrio e à harmonia, mas também à eternidade, por seu formato circular.

Origem das Mandalas

Já conhecemos a etimologia da palavra, mas ainda não sabemos onde esse objeto surgiu. As primeiras mandalas de que se tem registro são do século VIII e eram usadas como instrumentos de meditação no Tibete.

É característica da cultura não apenas tibetana, mas também budista conforme já foi mencionado e hindu. No Extremo Oriente, a maior associação das mandalas é com o sagrado. Elas fazem parte de rituais de cura e de orações.

Na sociedade ocidental, as mandalas podem ser vistas com facilidade compondo vitrais de igrejas católicas. Além disso, elas fizeram parte da arte sacra que se destacou no final da Idade Média, do século XVI ao XVIII.

As cores das mandalas

As cores usadas nas mandalas estão relacionadas com a psicologia das cores, corrente que afirma que cada cor é capaz de evocar determinadas sensações. É por isso que a mandala pode ser usada na decoração como forma de trazer equilíbrio ao ambiente e até em psicoterapia.

Dentro desse conceito, o laranja remete ao elemento terra, sugere impulso, energia e bom humor. O azul é capaz de evocar otimismo, segurança e confiabilidade, além de ser a cor símbolo das bênçãos divinas na China durante a antiguidade. O verde desperta a sensação de tranquilidade e cura, enquanto o violeta está ligado à espiritualidade.   

 Fonte: http://www.luzdaserra.com.br/mandala-qual-o-significado

Quer aprender na prática, sobre o significado, as cores e como desenhar as suas próprias mandalas?

Vá até o site da nossa querida Maya Jurisic, e surpreenda-se com o e-book incrível que ela preparou para você! 

http://mayamandalas.com/